Mais Recente
recent

Outside the Ring #1 - O fenômeno fenomenal

Olá! Meu nome é Mateus Oliveira, mas pode me chamar de " Matt ", hoje estréia aqui na Blood Wrestling, minha coluna "Outside the Ring", aqui vou tentar (eu disse, tentar... hahaha) dar minha singela opinião sobre tudo o que tá acontecendo nesse mundo louco que a gente adora, chamado Pro-Wrestling.

Na edição de estreia iremos falar sobre o ''Phenomenal'' atual WWE Champion, AJ Styles.

O que dizer de um cara que enfrentou uma infância difícil em Gainesville, na Geórgia (EUA), com um pai alcóolatra, e trabalhando em vários empregos para complementar sua renda e que apenas entrou no wrestling para descobrir se ele era natural para praticar o esporte.

E ele mal sabia que iria se tornar um dos grandes wrestlers da história e que se tornaria única e simplesmente FENOMENAL.

Allen Neal Jones atualmente não é apenas o cara que “construiu” o Smackdown Live, como também é a face da Blue Brand. Oficialmente não dá pra imaginar o Smackdown sem AJ, assim como também não dá pra imaginar AJ sem o Smackdown, as duas coisas se completam e não apenas isso como também nunca se viu o WWE Championship tão bem representado em sua pessoa, até porque pra quem viu nos últimos tempos o principal titulo do entretenimento esportivo nas mãos de um Superstar que o universo da WWE simplesmente o via como um Jobber (Jinder Mahal) , ver o cinturão nas mãos de um cara com um talento in-ring primoroso e uma mic-skill que dá gosto de ver, dá no fim das contas um baita alivio.

Resumindo no geral, não dá pra se dizer que AJ Styles precisava da WWE, até porque ele construiu uma carreira tão vitoriosa mundo afora que a companhia de Vince McMahon seria apenas um grande complemento para sua carreira, mas dá pra dizer com toda certeza que a WWE precisava de um AJ, e isso é e se tornou FENOMENAL!

----------------------------------------------

Por hoje é tudo pessoal, vejo vocês sexta-feira que vem com mais uma edição do Outside the Ring com um novo tema sendo abordado!
Tecnologia do Blogger.